BLOG

Como conquistar confiança usando seu perfil no Facebook!


Midias Sociais
14 de agosto de 2017 • ,

Em um oceano de oportunidades, se destacar pode ser uma missão incrivelmente complicada. Mas a grande certeza é que para você vender na internet, é importante criar uma imagem de confiança para quem te segue. Principalmente quando o assunto é Facebook.

Algo que procuro sempre orientar os meus clientes é sobre o perfil pessoal do facebook. Uma venda é o resultado da confiança em você. E isso só acontece quando sua imagem representa algo que seu público se interessa.

Exatamente por isso, mesmo que você ainda não tenha milhares de seguidores, é importante que cada um deles veja que você poderá ajudá-los de alguma forma, seja no âmbito pessoal ou profisisonal.

Você precisa de uma rotina para conquistar confiança

E, talvez, uma das principais dicas para gerar essa confiança seja usar o Facebook do jeito que ele deve ser usado. E esse jeito é a interação real e humana. Não adianta encarnar uma marca com respostas corporativas e distantes. Seu cliente quer um ser humano do outro lado do teclado.

Interaja e responda.  Seu perfil pode ser profissional, mas por trás, está você e é nessa pessoa que seu público está interessada. É nessa pessoa que todos querem confiar.

Portanto, lembre-se, nem tudo é só promoção. Se uma pessoa tem uma dúvida é porque ela confia em você o suficiente para te perguntar. Então, nenhuma pergunta é menor e toda resposta deve refletir o tamanho do interesse de seu público.

Por fim, invista tempo com isso. No mínimo, diariamente. Analise as possibilidades que o site lhe propõe, aplicativos e outras novidades, use tudo. Responda e interaja, pergunte, encontre feedback em cada pessoa que comentar ou compartilhar. Crie estratégias e, mais importante, nunca deixe de colocar no ar conteúdo interessante.

Como conquistar a confiança de alguém pelo Facebook e transformar em cliente

Mas é preciso ter certos cuidados. Você está em um caminho onde o objetivo final é se posicionar como autoridade naquele assunto e criar confiança em sua imagem e produto. O problema é que a chance de se destacar pode ir por água abaixo diante de erros comuns.

É preciso se destacar para conquistar confiança!

Facebook só é pessoal, quando você não tem nenhuma ambição profissional

Seus posts

Tenha noção do quão amplo “sua rede” pode ser. Uma simples publicação sua pode se tornar um sucesso ou um pesadelo. Um comentário pode se tornar um constrangimento em níveis globais. E, se isso pode parecer um exagero, pense na quantidade de comentários anônimos que você vê por ai se tornando memes.

Curtir e Compartilhar

Como estamos falando de perfil pessoal, tudo que você curte e compartilha é também apresentado para as pessoas que são suas amigas. Então se você quer passar uma imagem profissional no seu perfil pessoal, então passe a selecionar o que você curte e o que você compartilha no seu perfil pessoal pois isso representa a imagem que as pessoas terão sobre você. Se for curtir, compartilhar ou publicar conteúdo que por um segundo sequer você ache que pode causar algum tipo de polêmica ou mal entendido, não o faça. Pense que seu público pode entender errado ou simplesmente se incomodar com alguma coisa e atrelar isso a sua imagem. A não ser que você realmente queira levantar uma polêmica e que isso esteja diretamente ligado ao seu posicionamento.

E isso vale também para discussões sobre temas polêmicos, principalmente envolvendo política e religião. É lógico que quando vêm acompanhado ambos os casos visam um mundo melhor, mas esse tipo de controle é quase impossível em redes sociais.

Uma máxima das redes sociais é que por lá, argumentos quase nunca são mais fortes que pontos de vistas e visões de mundo, o que pode tornar tudo uma discussão pessoal demais e que pode prejudicar o andamento de qualquer discussão, portanto, fuja disso.

Mas mais importante, analise bem o que acontece ao seu redor. Veja o que as pessoas próximas a você em âmbito profissional fazem e como elas atuam. Observe seus erros e aprenda com isso. Os erros dos outros podem se tornar seu ensinamento, assim como seus acertos. Portanto, não perca essa oportunidade.

E quanto mais você faz isso bem, mais seu público confia em você, já que vê ali um porto seguro onde irá encontrar aquilo que procura. Conquiste essa confiança e, quando o fizer, não largue isso por nada.

Os ativadores de confiança

Talvez você ainda não saiba, mas existem alguns elementos que se bem trabalhados no seu perfil pessoal poderão se torna um ótimo aliado para passar a confiança necessária para o seu perfil.

Esses ativadores servem tanto para o perfil do seu facebook, como também para o seu LinkedIn. Atenção aos pontos que considero os ativadores de confiança e que devem receber uma atenção sua na hora de reformular o seu perfil.

Foto de Perfil

Procure utilizar fotos do seu rosto e que essa foto esteja clara para que o seu público consiga te identificar facilmente. Evite fotos de casal pois isso confunde o público. Como o nome mesmo diz, o perfil é PESSOAL e você terá outras maneiras de compartilhar fotos de família e do seu companheiro(a).

Foto de Capa

Essa é aquela foto maior que aparece no topo do seu perfil. Essa foto é o momento de você mostrar um pouco do seu lado pessoal sem ser muito intimo, por exemplo evitando fotos de biquini na praia. No caso do meu perfil pessoal, eu utilizo uma foto minha em um local turístico. Já na minha fanpage, utilizo uma imagem minha palestrando num evento.

As duas imagens contam a história da Dayse de formas diferentes, a primeira pode dar a ideia de que gosto de viajar, e a segunda mostra que sou uma profissional com credibilidade no mercado já que estou num palco com pessoas me assistindo.

Postagens no seu perfil

Se você quer fazer com que as pessoas saibam o que você faz, então comece a utilizar o seu perfil pessoal para isso. Ali é onde as pessoas que já fazem parte do seu círculo pessoal precisam saber o que você faz, afinal se nem elas sabem o que você faz como que pessoas que não conhecem você poderão saber? Esse é o melhor campo para você começar e dali podem surgir várias indicações para você. Nesse ebook que escrevi falo mais sobre esse assunto e você poderá encontrar modelos de posts para começar utilizar no seu perfil.

Muitas pessoas menosprezam o perfil pessoal do facebook por ainda o verem apenas como uma forma de se entreter e jogar conversa fora, mas se você é um profissional e quer atrair clientes na internet saiba que quando uma pessoa ouve seu nome e pesquisa no Google, o primeiro resultado que aparece é o do seu perfil pessoal do facebook.

E aí a pergunta fica: Se o seu futuro cliente entrasse hoje no seu perfil, ele teria a confiança necessária de contratar você?

5 ideias para gravar vídeos sem precisar aparecer na câmera!


Marketing Digital
7 de agosto de 2017 • ,

De uns tempos para cá, as principais redes sociais entraram em uma guerra entre si onde só quem ganha é você, que está usando ela para vender sua marca ou conteúdo. A cada dia que passa, mais elas apostam em conteúdo de vídeos. O problema é que muita gente encontra na vergonha uma barreira para entrar nesse mundo. E isso acontece, muitas vezes, porque elas não sabem que suas ideias podem se transformar em vídeo sem que apareçam nas câmeras.

E se você é uma destas pessoas, saiba que existe uma série de possibilidades para criar conteúdo em vídeo sem ter que que colocar seu rosto na frente da câmera. Muitas vezes, um primeiro passo para que essa timidez vá ficando de lado.

Capturas de tela podem render ótimas ideias de vídeos

Portanto, não deixe esse ser um empecilho para você. Não perca essa onda, já que trabalhar com vídeos talvez seja um dos modos mais fáceis de atrair clientes, mesmo que você não tenha milhares de seguidores.

Confira então cinco ideias que podem resolver seu problema.

Ideias para gravar vídeos sem aparecer

1 – Slides sempre são uma boa opção

Pense em uma apresentação daquelas de workshops e palestras. Agora, adapte-a para um vídeo, onde você pode fazer uma narração enquanto os slides vão mudando. E se você não entende de edição de vídeo, melhor ainda, já que pode montar tudo no Power Point ou similar.

É lógico que, na verdade, você não precisa usar sua voz em uma narração, pode simplesmente colocar textos para serem lidos, mas com sua voz aparecendo você transmite a confiança e credibilidade necessárias para que o seu futuro cliente compre de você.

2 – Opte por animações bem construídas

Saindo um pouco da falta de necessidade de conhecimento técnico de edição de vídeos, criar uma animação é uma opção que vale a pena para quem quiser se aprofundar nessa possibilidade. O resultado obviamente é muito mais bonito e chama a atenção, então a complexidade vale toda a pena.

3 – Capturas de tela são excelentes para aulas e tutoriais

Você já deve ter visto inúmeros vídeos de tutoriais em que mostram apenas capturas de telas. As possibilidades são infinitas, você pode ensinar seu cliente a usar um programa específico, ou a construir uma planilha, como realizar pequenas tarefas etc. Enfim, não existe limites para esse tipo de tutorial.

No exemplo abaixo eu gravei um vídeo utilizando uma ferramenta para capturar a tela do meu computador enquanto explicava o funcionamento.

4 – Os mapas mentais também podem se tornar vídeos

Se quer chegar a uma ideia e demonstrar o caminho, crie uma mapa mental e vá demonstrando todo caminho. Enquanto isso vá discorrendo sobre o assunto. Os mapas são meros condutores.

5 – Entrevistas são boas e trazem autoridade

Talvez, isso dê um pouco mais de trabalho, mas quase sempre os resultados são incrivelmente profissionais. Procure um entrevistado que possa lhe passar algum tipo de informação, você não precisa aparecer, apenas ligar a câmera e fazer as perguntas.

Uma das principais vantagens é trazer mais autoridade para sua página com outras pessoas falando sobre o seu trabalho. Quem são os profissionais que o seu público veria como uma autoridade e que está relacionado com o seu assunto, para que você  entreviste?

Está na hora de elaborar suas ideias de vídeos

Mas mais importante que tudo isso, você pode com o vídeo, apresentar seu público e conteúdo em uma plataforma que hoje é considerada uma das que mais dá retorno.

Mais visualizações, mais interação, mais possibilidades, mais retorno, tudo ao alcance de suas mãos, basta uma apertada no “REC”. E você nem precisa estar na frente da câmera!

Publicação no Facebook: 7 Modelos Para Utilizar no Seu Perfil Pessoal!


Midias Sociais
31 de julho de 2017 • ,

Você já está cansado de ouvir que o Facebook é essencial para que você possa divulgar você ou sua empresa e aumentar vendas. Mas como é possível se destacar se todo mundo está presente no mesmo espaço? Muito simples: apostando em trabalhar bem cada publicação sua para se diferenciar da concorrência!

Formato, tempo, imagens, textos, melhor hora para postar, interação, são tantas possibilidades que, à primeira vista, a sensação é de ficar paralisado sem saber por onde começar.

Milhares de seguidores não são suficientes para o sucesso de seu conteúdo, é preciso saber o que cada um deles quer. E mais importante: não ter medo de cair de cabeça nesse mundo das redes sociais e trabalhar sua imagem diretamente para seu público.

Pensando nisto, eu separei alguns modelos de postagens que irão facilitar o seu dia a dia na hora de se divulgar no facebook!

Modelos de publicação pra divulgar seus serviços no Facebook

Vídeo – Em um momento onde o Facebook está em guerra com Youtube pela atenção de seus usuários, use isso a seu favor! Hoje, um vídeo recebe mais atenção do algoritmo da rede e sua publicação vai aparecer em mais e mais timelines naturalmente. Evite postar o link do Youtube dentro do Facebook, o ideal é você subir o vídeo direto para dentro do facebook seja no seu perfil pessoal ou na sua fanpage.

Live – Ainda na mesma linha de raciocínio, as lives depois se transformam em vídeos e têm o mesmo resultado nas timelines. Mas ela ainda tem um ponto positivo, o alcance é maior enquanto está acontecendo e seus amigos são notificados.

Pequenos Artigos – Também é preciso que você demonstre que tem conhecimento pelo assunto. Portanto, crie conteúdo específico para o Facebook. Conciso, objetivo e interessante. Lembre-se que seu público está interessado em seu conteúdo, quer saber mais sobre aquilo que você tem domínio, então dê essa informação a eles. Uma publicação com um micro artigo é excelente pra isso!

Fotos Pessoais – É preciso criar um laço de confiança com seu público, ao mesmo tempo em que aproxima eles de você. Pense que uma foto bem feita, em um lugar estratégico e mostrando uma experiência sua em alguma situação específica pode demonstrar interesse por algum assunto ou local, o que lhe aproxima da fatia do público com os mesmos gostos. Use isso a seu favor, mas sem exageros.

Montagens – Facebook é uma rede social ágil. Então, poucas palavras às vezes valem mais do que grandes explicações. Citações, frases motivacionais, tudo pode ser usado para motivar alguns cliques e curtidas. Na maioria das vezes, a facilidade de conseguir compartilhar algo que resuma um pensamento pode conquistar muitos compartilhamentos.

Comentário técnico – Lembre-se que seu público está inserido em um mundo onde coisas acontecem. Notícias, polêmicas, dúvidas, tudo isso pode se transformar na oportunidade de você discorrer sobre. Dar sua opinião e promover algum tipo de discussão cria publicações relevantes.

Perguntas e respostas – Interaja. Pergunte para seu público. Descubra suas preferências e depois invista nelas. Melhor ainda, abra espaço para tirar dúvidas deles, crie um espaço onde você possa responder aquilo que eles querem saber.

Vá além na sua publicação!

Mas o mais importante de todas essas dicas é publicar, colocar as caras e manter uma consistência. Existe um espaço e uma demanda. Existe um público e você precisa encontrar ele. Mostrar para ele que seu produto ou marca é aquilo que eles procuram.

Invista na diversidade de seus posts, aposte em diferentes modelos e teste alguns formatos novos. Faça com que todo dia seu público veja algo novo e desafiador em suas timelines.

Portanto, siga as dicas e modelos, crie seu próprio cronograma de publicação e coloque sua marca no Facebook.

Também é muito importante manter uma consistência dessas ações, de nada adianta criar uma série de posts para apenas 1 semana e depois não postar mais nada porque não teve a quantidade de interação que você gostaria. Nem sempre um primeiro post seu via “bombar” isso é um processo contínuo e garanto que quanto mais você fizer mais entenderá o comportamento do seu público, pode acreditar. 😉